DoaçãoPrecisamos do seu apoio para continuar com nosso projeto. Porque e como ajudar

TelegramEstamos também no Telegram, siga nosso grupo. Estamos no TelegramAcesse Siga

Assassinato de John Lennon, EUA

08 de dezembro de 1980

1345
Visitas

3
compartilhamentos

Acessibilidade

Na noite de 8 de dezembro de 1980, John Lennon foi assassinado com cinco tiros na porta do edifício Dakota onde morava, em frente ao Central Park em Nova York por um fã, David Chapman de 25 anos, que horas antes havia pedido um autógrafo do ídolo. Mais tarde o assassino revelou que matou o cantor obedecendo vozes que lhe ordenavam a cometer o crime.

John Lennon foi um dos fundadores da banda britânica The Beatles, em 1960, em Liverpool, Reino Unido. Junto com Paul McCartney formou uma das mais importantes duplas de compositores do século XX.

Depois de dez anos de sucesso, a banda começou a se desintegrar no final da década de 1960. Lennon deixou o grupo em setembro de 1969, mas nada foi informado à mídia enquanto o grupo renegociava seu contrato de gravação. Ele ficou indignado quando Paul McCartney anunciou sua saída ao lançar seu primeiro álbum solo em abril de 1970. Foi, então o fim oficial da banda.

Johnn Lennon ativista pela paz

Em carreira solo e ao lado de Yoko Ono, sua companheira, Lennon se envolveu em vários eventos políticos, tendo por objetivo a promoção da paz, os direitos das mulheres e dos trabalhadores, e o fim da Guerra do Vietnã. Em 1969, o casal lançou a campanha War is Over, pela paz no mundo.

Mudaram-se para Nova York em agosto de 1971 e aproximaram-se da Nova Esquerda americana, uma frente ampla que reunia opositores ao governo. Isso levou o casal a ser perseguido pelo FBI a mando do presidente Nixon. Lennon era um crítico feroz da Guerra do Vietnã fazendo, portanto, campanha anti-Nixon. O governo tentou deportá-lo levando Lennon a uma batalha judicial contínua com as autoridades de imigração que lhe negavam a residência permanente nos Estados Unidos.

Foi nesse cenário de militância antiguerra que Lennon lançou seu álbum Imagine (1971) que rapidamente atingiu o primeiro lugar nas paradas de sucesso dos Estados Unidos e Inglaterra. A letra de Imagine encoraja o ouvinte a imaginar um mundo de paz, sem fronteiras, sem países e sem religião, e considerar a possibilidade de que o foco da humanidade deveria estar em viver uma vida desapegada de bens materiais. Imagine tornou-se um hino pela paz mundial.

Imagine

Imagine que não há Céu
É fácil se tentar
Nenhum inferno abaixo de nós
Acima de nós apenas o céu
Imagine todas as pessoas
Vivendo para hoje…

Imagine que não há países
Não é difícil de fazer
Nada por que matar ou morrer
E nenhuma religião, também
Imagine todas as pessoas
Vivendo a vida em paz…

Pode dizer que sou um sonhador
Mas eu não sou o único
Espero que um dia se junte a nós
E o mundo será como um só

Imagine que não há posses
Será que pode
Não há necessidade de ganância ou fome
Uma irmandade dos homens
Imagine todas as pessoas
Partilhando o mundo inteiro…

Pode dizer que sou um sonhador
Mas eu não sou o único
Espero que um dia se junte a nós
E o mundo viverá como um só

John Lennon (tradução livre)

Em 1974, o presidente Nixon renunciou devido ao escândalo de Watergate, mas Lennon e Yoko só receberiam o Green Card em 1976.

Ultimo ato de uma vida intensa

Em novembro de 1980, o casal gravou o álbum Double Fantasy – o primeiro após cinco anos sem gravar. O álbum continha músicas escritas durante uma viagem para as Bermudas em um barco a vela. A viagem possibilitou uma experiência de autodescoberta para Lennon. Durante a navegação, ocorreu uma tempestade severa e prolongada. A maior parte da tripulação sucumbiu ao cansaço e ao enjôo, exceto Lennon, que acabou sendo forçado a assumir o leme do iate sozinho por muitas horas. Isso teve o efeito de renovar sua confiança e fazê-lo contemplar a fragilidade da vida. Como resultado, ele começou a escrever novas canções e retrabalhou canções anteriores.

Lennon comentou mais tarde: “Fiquei tão centrado depois da experiência no mar que fiquei sintonizado com o cosmos – e todas essas canções vieram!” (Hunt, 2005). As músicas refletiam a realização de Lennon em sua nova vida familiar estável.

Após seu lançamento, o álbum estagnou nas paradas musicais e recebeu críticas amplamente negativas dos críticos musicais. Três semanas depois, na noite de 8 de dezembro de 1980, Lennon foi assassinado quando retornava do estúdio de gravação junto com a mulher.

David Chapman, o assassino esperou do lado de fora do edifício e assim que o músico entrou no edifício, sacou a arma e disparou 5 tiros nas costas de Lennon. O assassino permaneceu no local esperando os policiais chegarem. Ao ser preso, pediu desculpas pelo “transtorno que havia causado”. Foi condenado à prisão perpétua e permanece preso numa cela separada dos demais condenados, devido a ameaça de morte.

Após o assassinato de Lennon, o álbum Double Fantasy tornou-se um sucesso comercial mundial e ganhou o Prêmio Grammy de 1981 de “Álbum do Ano”. Nas décadas seguintes, o álbum foi visto favoravelmente, com as composições de Lennon em particular recebendo elogios como algumas de suas melhores canções.

Fonte

HUNT, Chris. Just like Starting over: the recording of Double Fantasy first published, dez 2005.

 

Compartilhe

Navegue pela História

Selecione o mês para conhecer os fatos históricos ocorridos ao longo do tempo.

Outros Artigos

Últimos posts do instagram

Fique por dentro das novidades

Insira seu e-mail abaixo para receber atualizações do blog: